Codificação

Os 5 melhores métodos para testar seu site

Índice ocultar 1 1. Teste manual 2 2. Teste automatizado 3 3. Teste móvel 4 4. Teste em nuvem 5 5....

Escrito por Niel Patel · 4 min read >
automatizar ferramentas de teste de navegador

Testar um site é uma parte importante para garantir que ele seja eficaz e atenda às necessidades dos usuários. Você pode explorar vários métodos de teste, cada um com suas vantagens e desvantagens. Este artigo lista cinco.

1. Teste manual

Trabalhando com um empresa de testes manuais é o método mais popular de avaliar os diferentes aspectos de um site. Os testadores humanos usam seu conhecimento e experiência pessoal para identificar bugs ou erros no sistema.

Eles podem usar ferramentas, mas os testadores confiam em seu conhecimento para dar sentido aos dados que coletam. Eles também são responsáveis ​​por elaborar um plano de testes que atenda às necessidades do projeto.

Além disso, oferece muitos benefícios:

  • É o método de teste mais completo, pois os testadores podem cobrir todos os aspectos do site.
  • Os testadores podem usar seu julgamento para avaliar a funcionalidade do site.
  • Os testadores podem encontrar erros que teste automatizado pode faltar.

O teste manual também é abrangente e cobre muitos elementos. Isso pode incluir:

  • O teste de regressão identifica se o sistema ainda funciona depois de feitas as alterações
  • O teste funcional verifica se o sistema executa as tarefas que deveria
  • O teste de usabilidade determina se os usuários podem navegar facilmente no site
  • O teste de compatibilidade verifica se o site funciona em diferentes navegadores e dispositivos
  • O teste de desempenho avalia como o sistema responde a vários níveis de carga
  • O teste de segurança verifica vulnerabilidades no sistema

Como o teste depende da intervenção humana, é necessário escolher o melhor fornecedor. Considere fatores como reputação, tamanho e custo ao decidir.

2. Testes Automatizados

Teste automatizado é um processo que utiliza software ou plataformas para executar testes sem intervenção manual. O objetivo dos testes automatizados é reduzir o tempo necessário para testar os diferentes aspectos de um site.

Nesta era de evolução digital, desenvolvendo e gerenciando seu site efetivamente é mais importante do que nunca. Quer você seja proprietário de uma empresa ou um entusiasta de tecnologia, é essencial ter um bom entendimento do funcionamento do seu site. Se você está apenas começando e quer aprender como criar um site do zero, existem recursos disponíveis que podem orientá-lo passo a passo durante o processo. 

Com esse método, os testadores podem criar casos e deixar o software executá-los. Alguns dos cenários mais essenciais incluem:

  • Navegação: Ao testar um site, é importante verificar a navegação para garantir que os usuários possam se orientar facilmente. Você pode fazer isso avaliando os menus e links do site, garantindo que estejam funcionando corretamente e direcionando às páginas corretas.
  • Funcionalidade: Teste a funcionalidade de um site para garantir que todos os recursos estejam funcionando. Isso inclui testar formulários, botões e outros elementos interativos. Avalie também quaisquer aplicativos ou plug-ins de terceiros integrados ao site.
  • Compatibilidade: Verifique se o site funciona em diferentes navegadores e dispositivos. Você também pode determinar se o site é exibido corretamente e responsivo em dispositivos móveis.
  • Atuação: Outro aspecto importante a ser testado inclui a avaliação dos tempos de carregamento da página, dos tempos de resposta do servidor e da estabilidade geral do site. Outros fatores a serem observados são vazamentos de memória e erros que podem ocorrer durante o uso.

O teste automatizado é frequentemente comparado ao teste manual. Ele tem alguns prós. Por exemplo, ele:

  • Economiza tempo, pois os testes podem ser executados de forma rápida e automática
  • Pode ser usado para cobrir uma gama maior de cenários
  • É mais consistente que o teste manual

No entanto, os testes automatizados têm suas desvantagens. Esses incluem:

  • A necessidade de habilidades e conhecimentos especializados para configurar e interpretar os resultados
  • A possibilidade de falsos positivos, onde o sistema reporta um erro quando não há nenhum
  • O potencial de erro humano na criação dos casos de teste

Para um processo mais infalível, combine testes manuais e automatizados.

Close-up de mãos masculinas segurando um smartphone com código na tela enquanto trabalhava na mesa no escritório, conceito de desenvolvedor, espaço de cópia

3. Teste móvel

Com o aumento dos dispositivos móveis, testar sites nessas plataformas é essencial. Os testes móveis avaliam como um site funciona em um dispositivo móvel, incluindo smartphones e tablets.

Os aspectos que você precisa considerar ao testar dispositivos móveis incluem:

  • Tamanho da tela: Dispositivos diferentes têm tamanhos de tela diferentes. É fundamental que seu site esteja otimizado para todos eles. O que isso significa é que seu site deve ser responsivo; sua orientação ou layout muda dependendo do tamanho e da resolução da tela.
  • Conectividade: Os dispositivos móveis geralmente têm conectividade diferente dos computadores desktop. Eles podem estar usando uma conexão de dados de celular ou Wi-Fi. Isso pode afetar a forma como o conteúdo do site é carregado. Os testadores devem considerar isso e verificar o desempenho do site sob várias condições.
  • Capacidades do dispositivo: Além do tamanho da tela e da conectividade, os dispositivos móveis também diferem em termos de capacidades. Isso inclui o processador, a memória e o sistema operacional. Um telefone celular com tela de alta resolução, mas memória limitada, provavelmente não carregará recursos visuais rapidamente.
  • Sistema Operacional: Uma das diferenças mais significativas entre os dispositivos é o sistema operacional. Dois dos mais populares são iOS e Android. Existem também muitas variações dentro desses sistemas. Testar um site no maior número possível de dispositivos e sistemas operacionais é essencial para garantir a compatibilidade.

Ao testar dispositivos móveis, você pode usar emuladores e simuladores. Estas são ferramentas que replicam as condições de um determinado dispositivo móvel.

Os emuladores permitem que você teste a aparência do seu site em um dispositivo específico. Os simuladores, no entanto, concentram-se no desempenho do site sob certas condições.

Teste de segurança de integração de funcionalidade básica para aplicativos da Web

4. Teste de nuvem

O teste em nuvem avalia um funcionalidade e desempenho do site quando acessado remotamente. Isso é feito usando tráfego e dados reais do usuário da nuvem.

Este tipo de teste é benéfico porque:

  • É econômico porque você paga apenas pelo que usa
  • Aumenta ou diminui facilmente dependendo de suas necessidades
  • Oferece flexibilidade e conveniência

No entanto, os testes em nuvem têm algumas desvantagens. Esses incluem:

  • A necessidade de uma conexão confiável com a Internet
  • O potencial para violações de dados
  • O risco de perda de dados

Porém, com o enorme crescimento do uso da nuvem, ela é agora um dos métodos de teste mais importantes a serem executados. Se você estiver fazendo esse tipo de avaliação, poderá considerar estes fatores:

  • Tempo de resposta: Quanto tempo leva para o site carregar? Isto é essencial, especialmente para sites que são visitados com frequência.
  • Taxa de transferência: Ele mede quantos dados podem ser transferidos em um determinado momento. Quanto maior o número, melhor.
  • Capacidade organizacional: Indica quantos dados podem ser transferidos por vez. Maior largura de banda significa que mais dados podem ser transferidos rapidamente.
  • Desempenho do servidor: Ajuda a identificar quaisquer problemas com o servidor que possam estar causando desempenho lento.

Metodologia de teste de aplicativos empresariais?

5. Teste de segurança

Os testes de segurança avaliam a força das medidas de segurança de um site. É essencial fazer isso, pois pode ajudar a prevenir violações de dados e outros ataques.

As avaliações de segurança mais comuns incluem:

  • Teste de penetração: Este tipo de teste tenta encontrar vulnerabilidades em um sistema simulando um ataque.
  • Teste de injeção SQL: Ele avalia o banco de dados de um site em busca de falhas de segurança.
  • Teste de script entre sites: Este teste procura vulnerabilidades de script entre sites. Estas são falhas de segurança que permitem que invasores injetem código malicioso em uma página da web.

As violações de dados e os ataques cibernéticos são caros, por isso os testes de segurança são essenciais. Estes são alguns dos fatores que você deve considerar ao fazer este tipo de avaliação:

  • Tipo de dados coletados: Você deve saber que tipo de dados estão sendo coletados e armazenados no site. Isso o ajudará a avaliar os riscos envolvidos.
  • Nível de segurança: Quão seguro é o site? Que tipo de medidas de segurança estão em vigor? Quanto mais seguro for o site, melhor.
  • Impacto potencial: Quais seriam as consequências se houvesse uma violação de dados ou um ataque cibernético? Isso o ajudará a determinar quanto risco você está disposto a correr.

Mais de 10 maneiras que toda organização deve automatizar sistemas de teste de navegador

Conclusão

Testar o desempenho do site é essencial para garantir uma experiência positiva do usuário. Muitos métodos estão disponíveis e o melhor dependerá de suas necessidades.

O mais importante é testar cedo e com frequência. Isso permite identificar e corrigir quaisquer problemas antes que eles causem problemas ao usuário.

jogo de cartas

O Unity é apenas para jogos? 

Niel Patel in Codificação
  ·   6 min read

Deixe um comentário

Translate »